terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Vozes do Espírito

Vozes do Espírito

Deus é meu Pai.
A Natureza é minha Mãe.
O Universo é meu Caminho.
A Eternidade é o meu Reino.
A Imortalidade é minha Vida.
A Mente é meu Lar.
A Verdade é meu Culto.
O Amor é minha Lei.
A Forma em si minha Manifestação.
A Consciência é meu Guia.
A Paz é meu Abrigo.
A Experiência é minha Escola.
O Obstáculo é minha Lição.
A Dificuldade é meu Estímulo.
A Dor é meu Aviso.
A Luz é minha realização.
O Trabalho é minha Benção.
O Amigo é meu Companheiro.
O Adversário é meu Instrutor.
O Próximo é meu Irmão.
A Luta é minha Oportunidade.
O Passado é minha Advertência.
O Presente é minha Realidade.
O Futuro é minha Promessa.
O Equilíbrio é minha Atitude.
A Ordem é minha Senha.
A Beleza é meu Ideal.
A Perfeição é meu Destino.

O Espírito.
Mensagem psicografada por Francisco Cândido Xavier em reunião íntima de preces, em Belo Horizonte. O mensageiro que escreveu e que se apresentou num ambiente de grande elevação não se identificou, assinado e comunicado apenas com as palavras “O Espírito”.